Tofupiry

OgAAACYponCIDnIrWxFTamTQlcKvHnp7n4hcj7MgzTAVfyCnupbTuI9Pv7_HLGY9wIrsfMrZKZ9rwS98a-u03LcZrsoAm1T1UDPbi-lfNcPM8cIQvg21C1qCHULM

Ingredientes

500grs tofu soft
100grs azeite
Duas pitadas de  sal
Sumo de um limão puro, sem água
1 colher de chá de polvilho azedo
Leite de soja (neutro) a gosto

Modo de preparo

Bata no liquidificador todos os ingredientes. Misture numa panela e leve ao fogo dando ponto de requeijão com o leite de soja a gosto

Onde usar: Na cobertura de pizzas, recheios e substituto de requeijão.

PS: Eu não uso leite de soja no meu.
PS2: Quanto mais polvilho você colocar, mais mole será a textura.

Anúncios

  1. Oi Deborah,

    Eu já tinha experimentado essa delícia num encontro que estivemos no ano passado, mas só agora tentei fazer em casa. O meu não deu certo… Ficou bem grosso, ainda que eu tenha colocado bastante polvilho. O sabor também não ficou bom como o seu… Como eu não tenho balança e medidores, tive bastante dificuldade para dimensionar as medidas, e talvez por isso não tenha dado certo, Você saberia fazer a correspondência dessas medidas em xícaras, copos, colheres etc? Talvez assim fique mais fácil 😉

    Obrigada =)

    • Oi, Gabriela, tudo bem?
      Que pena que não deu certo o seu 😦

      Você usou leite de soja? Eu não gosto de usar no meu, tente fazer assim: Uma peça de tofu de 500 grs amassado, suco de um limão, umas cinco ou seis colheres de azeite, uma colher de chá de polvilho. Vá colocando aos poucos os temperos, pra que fique do seu gosto.

      Um abraço!

    • Vegana,

      Há muitas vertentes dentro do Veganismo, a minha é de esquerda e a sua? Por isso, não acredito que exista empresa ética dentro do capitalismo, sequer empresa 100% vegana, até a SuperBom produz e comercializa mel. A exploração que combato é a que atinge humanos e não-humanos, no livro Modernidade e Identidade de Anthony Giddens ele fala sobre o ceticismo ou antagonismo de sistemas abstratos, em como na alta modernidade precisamos acreditar em alguma medida que o produtor oferece um produto orgânico “de verdade”, ou seja, a gente tem uma espécie de fé na empresa que compra, mas não dá pra ter certeza da procedência. No meu entender, não adianta nada o veganismo ser apenas questão de consumo, porque se as pessoas podem pagar uma consciência mais tranquila isso vira um jogo de mercado e não uma mudança social. Falo disso melhor nesse post aqui:

      Ademais, se te perturba consumir Nescau e tem condições de comprar de outra marca, faça isso.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s